quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

10 motivos para ir ao Cerrado Roots no carnaval

Que Brasília está prestes a ter seu primeiro grande evento de forró pé-de-serra, que vai ser no carnaval (entre os dias 13 e 16 de fevereiro) e se chama Cerrado Roots, todo mundo já sabe. Sei que demorei demais da conta para falar do assunto, mas queria dizer mais que simplesmente o que todo mundo já sabe. Por isso, listei 10 motivos para você ir ao Cerrado Roots. Veja:

1 - Este será o primeiro roots no cerrado. A chance que todos esperavam para ver como os forrozeiros do centro do país se saem organizando um forró de grande duração. Que tal participar dessa aguardada estreia? Daqui a uns anos, quando o Cerrado Roots estiver bem experiente, você poderá dizer que esteve no primeiro e contar muitas histórias.

2 - Tudo bem, é o primeiro. Muitos podem estar com um pé atrás, com medo de não dar certo. Mas que tal participar do primeiro, observar tudo com cuidado e dar sugestões para fazer com que os próximos sejam ainda melhores? É melhor ajudar a fazer mais um evento de forró dar certo do que ficar sentado esperando alguém te contar como foi pra você pensar se vai no outro ano - e criticando sem conhecimento de causa.

3 - Você é de fora e está com preguiça de viajar? Os brasilienses estão acostumados a fazer longas e cansativas viagens para quase todos os festivais e roots do país. E estamos falando às vezes de até 24 horas de estrada. Isso sem reclamar, pelo contrário. A viagem é sempre uma bagunça só (no bom sentido). Agora é a vez de todo mundo fazer uma forcinha para estar aqui e os brasilienses receberem o pessoal dos outros estados. Vamos lá, uma vez só por ano não dói.

4 - Brasília tem o público mais animado do forró. E não são só os brasilienses que dizem, são praticamente todas as bandas que vêm aqui e os jurados do Festival de Itaúnas e do Festival de Ilha Grande, que deram o prêmio aos representantes que foram aos respectivos eventos em 2009. É difícil um show aqui ser sem graça, já que o pessoal sempre está com o astral lá em cima e é bastante receptivo. Imagina todo mundo junto no roots!

5 - Falando em ser receptivo, homens, fiquem certos de que as meninas de Brasília vão recebê-los muito bem. Todas adoram dançar e não costumam recusar uma dança com um forrozeiro (meninas, não me desmintam!). E mulherada, aqui tem muito homem bonito e que adora xamegar também. Então, ninguém vai poder reclamar.

6 - Ao contrário do que muita gente pensa, Brasília não tem só política e escândalos. Você já viu o céu brasiliense em dias de sol? É mundialmente conhecido, lindo mesmo. Um azul sem fim. Tá, o céu é azul em qualquer lugar do mundo, mas aqui é mais. É o que dizem. E as árvores retorcidas, o clima ameno - nem muito frio nem muito quente (só um tanto seco, portanto, beba muita água) - a belíssima arquitetura... E de qualquer lugar que você vier, vai perceber que aqui é diferente de tudo, meio cara de capital, meio cidade do interior, sem esquinas, tudo setorizado. Estranho, mas interessante.

7 - Tá, o roots não vai ser lá, perto dos monumentos, mas você poderá conhecê-los, se quiser. Isso se tiver coragem de deixar para trás tudo o que o Cerrado Roots vai oferecer. O espaço físico por exemplo, um dos melhores de todos os roots do país, garanto. Falo isso com conhecimento de causa. Frequentei o lugar onde vai ser o roots quando era clube e depois hotel fazenda. É enorme, bem organizado, cheio de árvores, uma piscina grande e, o melhor, um salão muito bom. Além de amplo, tem um ótimo piso para dançar e varandas ao redor. O refeitório fica no andar de cima, bem grandinho também. Os chalés são arrumadinhos e organizados. Cada um tem o nome de um fruto do cerrado. E pra quem vai ficar no camping, uma boa notícia: o banho é num lugar limpinho, organizado e com chuveiro quente! Vejam algumas fotos no site.

8 - Ao invés de ficar assistindo ao desfile das escolas de samba pela televisão,você poderá se divertir de verdade com gente de vários lugares do país e com boa música. E se você é de Brasília, aposto que já reclamou do carnaval por aqui. Sem alternativas muito interessantes, os nativos costumam gastar dinheiro para ir para qualquer lugar, mesmo sem graça, só para fugir. Agora não tem desculpa, você não precisa viajar, fique aqui, curta o Cerrado Roots e economize dinheiro. Não é um bom negócio?

9 - Falando em dinheiro, a economia vai ser para todos. O preço do pacote está bem em conta. O máximo que você vai pagar de passaporte é R$ 200, e nisso estão incluídos o café-da-manhã, o almoço, as entradas para os shows e o camping.

10 - Por fim, a parte que mais interessa num evento de forró: os shows. Para começar, quem está organizando tudo é o pessoal do Raízes do Sertão, o grupo que ficou em segundo lugar no Festival de Itaúnas e em primeiro no de Ilha Grande em 2009. E é claro que eles também vão se apresentar. Além deles tem: Meketréfe (SP), Trio Balancê (BH), Trio Araçá (DF/SP), Filhos do Nordeste (RJ), Trio Araripe (SP), Pisamaneiro (SP), Trio Marrom (SP), Os Cabras (RJ), Trio Xamego (SP), Trio Tradição (DF), Coisa de Zé (SP), Trio Alvorada (SP), Trio Dona Zefa (SP), Edson Duarte (CE), Trio Sucupira, Baião Matuto, Os Democráticos e Trio Clandestino.

Bem, é bom lembrar que a lista não é imparcial porque não falei como jornalista, mas como forrozeira brasiliense. Essas são as minhas opiniões e acredito de verdade nelas. Se você não concorda ou acha que me esqueci de algumas coisas, deixe um comentário no blog, que é um espaço democrático. Ah, e se tiver dúvidas, entre no site do Cerrado Roots ( www.cerradoroots.com.br ), onde há fotos do espaço, preços, programação e espaço para recados, e na comunidade do orkut do evento.

10 comentários:

Anônimo disse...

A primeira impressão é a que fica! correto?
Eu tambem espero ver o que o resto do país vai achar desse festival, será que vai haver folego pra outros festivais?

E como nao ficar com o pé atras? se por um lado é um evento de grande proporçoes, mas por outro nao se vê um patrocínio concreto, uma divulgação em nível regional, pq nem só de pão vive o homen e tão pouco nem só de forrozeiros vive o forró. esse evento teria que sair do âmbito forrozeiro e atingir outras classes (funkeiro, pagodeiros, sambistas em fim... Que chegasse ao conhecimento de todos os brasilienses para ae sim, ser divulgado nacionalmente.

Realmente para deslocar-se para a capital é complicado e da capital para outros estados também, será que o pessoal de fora ta tão animado para vim em um evento tao pouco divulgado,e com estrutura duvidável?

Realmente Brasília se destaca em vários aspectos, gente, torcida, trios, isso é de extrema importância porém será que isso é o suficiente para mover caravanas para Brasilia?
Em falar em caravanas quantas estão vindo pra cá?

Uma coisa é certa as meninas de Brasilia nao tem preconceito dançam com todos, porém só a mesma patota de sempre será o suficiente para dançar com todos os forrozeiros. ta na hora de reciclar e vim gente nova tanto homen quanto mulher.

Tomara que o Cerrado Roots, tenha muito a oferecer caso contrario o pessoal vai querer ver o outro lado de brasilia, os monumentos, pacotão..

O lugar que vai ser cediado o roots realmente me parece perfeito de muito espaço bem arejado, o salão bem legal, muito grande mesmo!! porem essa qualidade de ser grande e ter uma estrutura legal pode sair pela culatra, pois se esse mesmo local não tiver a quantidade certa de forrozeiro, vai parecer meio abandonado pelo tamanho do local.

Realmente Brasilia vai ter uma boa opção de diversão esse ano com esse roots no carnaval, porém se as pessoas da capital não souberem da existência do mesmo vai ficar bem difícil o sucesso do mesmo.

Ok, 200 reais folia no carnaval café e almoço muito bom...mas lembre-se do rootstock e copiem o mesmo!
E por fim, sem dúvida nenhuma a escolhas dos trios foram um dos melhores de todos os festivais. so tem um detalhe não vi nenhum trio em seus sites, orkuts divulgando o evento nem tão pouco com a agenda marcada conforme o anunciado pelo Cerrado roots, de qualquer forma boa sorte pois vao precisar!!

cida disse...

Nossa..que pessoa do mal...com palavras tão carregadas...negativamente. Acho que ela não conhece muito bem a filosofia que tem por trás dos roots... pq o camping roots em Bh tinha em média 300 pessoas e foi um evento maravilhoso e muito bem elogiado...acho que essa pessoa não sabe que esse momento é de confraternização....e não estamos querendo lotar de pessoas que não se identificam com a proposta do forró pé de serra.
Se tiver 200 pessoas no cerrado roots, que curtem forró, teremos sucesso garantido...pq para o forrozeiro o que importa...não é estar lotado e sim a energia das pessoas, a amizade que nasce.
Mais como toda critica pode ajudar
ainda dá tempo de divulgar para a galera forrozeira.
Toda ajuda é sempre muito bem vinda...então quem desejar realmente ajudar e não só criticar...por criticar...espalhando seu pensamento negativo, por puro prazer.....pode se juntar ao grupo, pq será bem vindo.
Galera não sou organizadora do evento, mais apoio, e trabalho para o sucesso desse evento, pois assim os forrozeiros de brasilia, podem mostrar o forró que tanto encanta a todos que vem nos visitar.

Cida Oliveira

linycortes disse...

Eu tenho uma leve impressão de que as pessoas gostam muito mais de criticar negativamente e acabar com os planos do outros do q ter q pensar em uma ideia melhor e ter a coragem de realizar como os meninos tiveram!

Aqui não tem espaço pra quem quer criticar não...
Pq aqui no blog da Dri só queremos pessoas q desejam o melhor pro forró em geral e mais ainda, pro forró brasiliense!

Portanto se o Cerrado Roots não der certo, ou vc achar q não vai dar certo, pense antes em algo melhor pra reunir essa massa forrozeira...

Boa sorte pra VOCÊ!
Pq nós não precisamos, contamos com o talento e energia suficiente pra fazer desse, o melhor roots!

Tannetti disse...

Está se vendo a TOTAL ignorância do ou da anonima que falou.
Os roots são feitos pra atrair os forrozeiros apaixonados e simpatizantes (que como eu fui a primeira vez (já fui 6 vezes agora)pra Dunas sozinha e soube pelo orkut- fiz mts amigos,isso depende de sua empatia).
Pode até ser que o Cerrado roots não seja como o Rootstock deste ano com quase 2000 pessoas, mas será que foi assim no primeiro????Acredito que não.
Já fui a forros com 50 pessoas que foram melhores que aqueles com 5000. O QUE VALE É O SENTIMENTO, vc sabe o que é ??? Só quem o tem pelo forró sabe.
O otimista pode até perder, mas o pessimista já nasce derrotado.
Espero que vc vá e sinta o que é ter sentimento pelo forró, viaje tb pelo Brasil e sinta a magia que exite.
Quando São Luiz Gonzaga começou o Baião, criticaram ele tb, dizendo que o Brasil era só bossa nova.E estamos hj aqui forrozeiros apaixonados mais e mais.
Só se atiram pedras em árvores frutíferas, então o Cerrado está no caminho certo.
Outra coisitia: aquele que não se identifica não merece credito, porque se não assume o que fala é pq nem ele acredita nisso.É irrelevante e simplório.

Não estou na organização, mas estamos juntos e misturados \o/\o/
O Cerrado vai bombar...
Xêrus pros forrozeiros apaixonados
Falo e Assino
Tannetti

Rafael Naito disse...

É impossível um evento ser igual ao outro, e muito menos cobrar de quem está iniciando. O que vale é a boa intenção e o calor humano que os forrozeiros de brasilia estão empenhados em distribuir aos convidados. Agora se vier pessoas que não são forrozeiras também serão benvindos eles terão a oportunidade de conhecer uma cultura bonita que faz parte disso tudo chamado Brasil.

cheros para vocês e muita paz vamos que vamos , tudo vai dar certo!

Osvaldo disse...

Anônimo??? começou errado, né! como vc disse: "A primeira impressão é a que fica! correto?"... e vc não começou bem...
..."nem só de forrozeiros vive o forró", será?
nos demais eventos de "forró-roots" a divulgação ocorreu, basicamente, via emails e no boca-a-boca... e a cada ano recebem mais gente... qual o segredo? acho que o esforço da organização e a energia do forrozeiro !!!
quer ajudar? não faça críticas vazias e divulgue o site de cerradoroots...
fevereiro vem aí, Carnaval vai chegar e o Cerrado Roots vem como opção para forrozeiros pé-de-serra... legítimos !!!
AO CERRADO ROOTS, SUCESSO E LONGA VIDA !!!

william disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
forró disse...

Viva o forró Pé de serra e suas diversidades!!

Verônica disse...

Nossa...
Só quero rever os amigos e amigas de outros estados e dizer para esse anônimo : vai dançar um belo xote .

Roberta Farias disse...

Em algumas partes sou obrigada a concordar com o anônimo. Divulgações foram poucas, não existem caravanas, bandas que vão se apresentar não divulgam o evento e não podemos falar ao certo que essas confirmaram participação.

Já fui a Itaunas, Ilha Grande e Rootstock. Confesso que vou a esses festivais com intuito de conhecer pessoas, fazer novas amizades, aprender novos passos. Não me agrada ir para ver as mesmas pessoas, dançar com quem já dancei milhões de vezes. Não que isso seja ruim, mas quando podemos ter outras oportunidades..

Mas temos que levar em consideração que é o primeiro festival. Talvez não saia como todos esperavam, mas erros ocorrem. Se esse não for legal terão outros.

De toda forma, ficarei esperando notícias boas, quem sabe no outro estarei mais confiante e compro meu passaporte.